Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Imprensa Notícias 2021 agosto PAA Leite: 19 anos combatendo a fome de milhares de famílias carentes em Alagoas
25/08/2021 - 15h07m

PAA Leite: 19 anos combatendo a fome de milhares de famílias carentes em Alagoas

O programa auxilia mais de 60 mil alagoanos que vivem na insegurança alimentar e nutricional

PAA Leite: 19 anos combatendo a fome de milhares de famílias carentes em Alagoas

Texto de  Ascom Seagri


Implantado em 23 de agosto de 2002 em Alagoas, integrado ao Programa Fome Zero, o Programa do Leite - atualmente - faz parte de uma das modalidades do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA).

 

O PAA Leite Alagoas disponibiliza leite de vaca e cabra pasteurizados para milhares de famílias carentes no estado. Além de fornecer alimento à mesa dos beneficiários, o programa também fomenta a economia, por meio da geração de emprego e renda,  para os agricultores familiares que fazem parte dessa ação social.


“Estamos completando os dezenove anos do Programa do Leite aqui na Seagri. O PAA Leite é voltado ao pequeno produtor e ao agricultor familiar, onde beneficia famílias em estado de vulnerabilidade social. Nessa semana tão importante, comemoramos com toda comunidade da agricultura familiar, o sucesso do Programa do Leite em Alagoas”, enfatizou o atual coordenador estadual do PAA Leite, Rodrigo Gaia.

 

 

Presidente da Cooperativa de Produção Leiteira de Alagoas (CPLA), Aldemar Monteiro celebrou o aniversário do PAA Leite e destacou a importância do alimento desde a sua produção até o consumidor final, integrado às famílias assistidas pelo programa.

 

"É um dia muito especial, pois o Programa do Leite teve início há dezenove anos. A gente fica muito feliz em fazer parte dessa história, colaborar com os produtores de leite e ajudar os beneficiários na alimentação. Vamos lutar para que, cada vez mais, esse programa evolua. Quero agradecer a toda população que usa esse leite como alimento seguro em sua mesa. Quero agradecer ao governador Renan Filho e ao secretário Maykon Beltrão que, juntos, têm lutado muito para que o Programa do Leite continue no estado de Alagoas. Ao deputado federal Marx Beltrão que tem sido um gigante, em Brasília, para conseguir trazer esses recursos para o estado de Alagoas e dar continuidade ao PAA Leite em Alagoas”, destacou Aldemar Monteiro.

 

Durante os dezenove anos em atividade, milhares de famílias alagoanas são auxiliadas com o alimento fornecido pelo programa, através da parceria entre os pequenos produtores, Cooperativas e o Governo do Estado com o objetivo de erradicar a fome em Alagoas.

Leite arquivo

 

PAA Leite

O programa que distribui leite, nos 102 municípios alagoanos, é sinônimo de comida na mesa para muitos que vivem na linha da pobreza e abaixo da linha da pobreza. Segundo estimativas é a realidade de muitos terem o leite como a única fonte de alimento diária.

O maior programa social de Alagoas disponibiliza leite de vaca e cabra pasteurizados para milhares de famílias que vivem em estado de vulnerabilidade social. O programa também fomenta a economia, por meio da geração de emprego e renda, de agricultores familiares que fazem parte dessa ação beneficente.

Josival Tavares mora em Palmeira dos Índios, e demonstra gratidão ao comentar sobre a ampliação do PAA Leite e a doação de um veículo à Princesa do Sertão.

“Quero agradecer a todos os responsáveis pela ampliação do Programa do Leite, porque é muito importante para Palmeira dos Índios. Também quero agradecer pelo veículo doado pelo governador Renan Filho, pois será de grande importância para a distribuição nas comunidades e, assim, ter mais agilidade para chegar em todo o  município com mais eficiência”, destacou Josival.

Semanalmente, 3.200 produtores familiares encaminham cerca de 240.000 mil litros de leite para seis Cooperativas que fornecem e pasteurizam o alimento doado para mais de 60 mil beneficiários.

Prefeituras de Alagoas, Conselho Municipal e Estadual de Assistência Social, Cooperativas de Pequenos Produtores Rurais trabalham em conjunto para que o benefício não deixe de ser distribuído nos 102 municípios alagoanos.

 Leite arquivo

Combate à fome

A distribuição de quatro litros de leite por semana contribui com a alimentação de famílias em situação de vulnerabilidade social.

Os beneficiários que têm prioridade em receber o leite são crianças de até seis anos de idade, gestantes, lactantes e idosos. Também podem ser auxiliados com o programa os que têm o NIS no perfil da pobreza e da extrema pobreza.

Além de combater a fome, o leite fornecido pelo PAA leite Alagoas  é responsável pela diminuição da mortalidade infantil estadual, pela melhoria das condições da gestante na hora do parto e pelo auxílio no desenvolvimento mental das crianças em idade escolar.

"O Programa do Leite é importante porque favorece a segurança alimentar de crianças que são beneficiárias do Bolsa Família, e que podem através dessa alimentação, ter mais segurança. As mães conseguem ficar tranquilas ao receber os quatro litros de leite, sem falar do valor nutricional que tem cálcio, melhora o crescimento. Aqui, em nosso município, esse impacto foi positivo. Agradecemos muito ao governador Renan Filho, ao secretário Maykon Beltrão, toda equipe da Seagri e ao deputado federal Marx Beltrão que, graças a ele, o investimento foi possível. Quero agradecer a todos por terem colocado o Programa do Leite novamente em funcionamento. Hoje, nós atendemos 787 famílias, e optamos por incluir todos os beneficiários do Bolsa Família, além de crianças de 0 a 6 anos. O programa do leite vem funcionando em diversos pontos e ainda sendo levado para a Zona Rural", comentou Cristiana Marques, secretária de Assistência Social de Delmiro Gouveia.

Leite arquivo

Ações do documento